Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil de São Luís – MA

Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil de São Luís – MA

Ouça nossa rádio

Pronunciamento do Presidente Humberto França Mendes sobre redução em alguns serviços médicos do SINDCONSTRUCIVIL

A situação atual que o Brasil vem enfrentando e o Estado do Maranhão também, infelizmente, não tem sido  diferente para o SINDCONSTRUCIVIL. Passamos por uma crise alarmante que afetou todos os setores, inclusive o setor da Construção Civil, um dos mais atingidos.

A grande maioria dos trabalhadores desta categoria está desempregada. E os sócios do Sindicato também estão desempregados e não conseguem pagar suas mensalidades. Nós, enquanto sindicato, temos uma alta despesa na área dos Serviços de Saúde e isto tudo depende diretamente do investimento do trabalhador. Nós não temos ajuda do Governo e nem da Prefeitura a não ser de Deus e dos trabalhadores que quando estão empregados contribuem e daqueles associados que pagam suas mensalidades e garantem seus direitos no atendimento.

O SINDCONSTRUCIVIL em detrimento da crise esteve impossibilitado de realizar a Festa do Trabalhador em maio de 2016. A entrega de Cestas Básicas aos sócios em dias com suas mensalidades, no período do final do ano, também não será possível neste ano, devido este momento difícil na economia do país. A Diretoria do SINDCONSTRUCIVIL se reuniu e fez um levantamento, descobrindo que não possuem condições de fazer a Cesta Básica.

Pedimos a Deus que nos mantenha de portas abertas, mesmo reduzindo despesas, para que um dos principais serviços que oferecemos que é o Serviço de Saúde não pare. Hoje nós observamos que a Saúde no Brasil é um caos.

E aqui no SINDCONSTRUCIVIL com toda a dificuldade, pretendemos continuar este serviço, até Deus permitir. Pois os nossos associados e trabalhadores da categoria, merecem. Nesse sentido, a Diretoria do SINDCONSTRUCIVIL em conjunto e de acordo com o levantamento feito, reorganizou os Serviços de Saúde para a seguinte forma:

Confira aqui os novos horários e dias dos serviços médicos

Informamos que também não será mais possível oferecer os medicamentos gratuitos. Pois não temos convênio e nem a ajuda da Secretaria de Saúde ou qualquer outro órgão público.

 Pedimos a Deus que nos mantenha de portas abertas. No entanto, só será possível, se realmente reduzirmos os gastos. Pois o SINDCONSTRUCIVIL além do Serviço de Saúde possui também outros departamentos como o de homologação, fiscalização, cursos profissionalizantes entre outros.

A Diretoria do SINDCONSTRUCIVIL agradece a compreensão de todos os associados, dependentes e trabalhadores da categoria e lamenta os transtornos.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 + três =