SINDCONSTRUCIVIL – MA

Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil, Construção Pesada-Infraestrutura, Mobiliário, Artefatos de Cimento, Obras de Arte, Instalações Elétricas, Montagens e Manutenções Industriais, Construção e Manutenção de Rodovias, Ferrovias e Engenharia Consultiva

Ouça nossa rádio

SINDCONSTRUCIVIL-MA realiza fiscalização na Zona Rural da Capital

 

O Sindconstrucivil-MA (Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil e Construção Pesada de São Luís e mais  39 municípios do Estado)  esteve hoje (31) na Mata de Itapera, Zona Rural da Capital, onde está sendo construído um grande galpão onde será o Centro de Distribuição Geral do GRUPO MATEUS.

 

Na fiscalização esteve o Presidente do Sindicato, Humberto França Mendes, o Diretor Social Lauro dos Inocentes Filho e o Diretor de Arquivos e Memória, José dos Santos Ferreira. A obra é de grande porte e está prevista para inauguração ainda este ano.

 

A empresa que é dona da obra e que opera o maior número de trabalhadores é a COHAMA ENGENHARIA, que segundo relato dos próprios trabalhadores e da Direção da Empresa, encontra-se regular: Carteiras de Trabalho e Previdência Social (CTPS) registradas; Pagamento de acordo com o Piso da Categoria da Convenção Coletiva de Trabalho; fornece refeição; possui bebedouros, banheiros e refeitórios  adequados. Os operários possuem Equipamentos de Proteção Individual (EPI); recebem Vale Transporte e possuem Fardamentos adequados.

 

Porém dentro da obra, existem diversas empresas terceirizadas, as quais o Sindicato conseguiu identificar 8 (oito), que prestam serviços para o GRUPO MATEUS, elas são:

 

• CONSTRUTORA MOTTA SUL
• É uma Empresa de Imperatriz- Maranhão da Categoria da Construção Pesada que está realizando a terraplanagem. Os operários trabalham das 6 horas da manhã as 18 horas. Segundo eles, não recebem  Horas Extras e não estão com as Carteiras Assinadas.

• RS METALÚRGICA LTDA
• É uma Empresa da Categoria da Construção Pesada que está realizando serviço de Montagem de Estrutura Metálica e Cobertura. Os trabalhadores desta Empresa afirmam que estão com as Carteiras Assinadas e recebendo o Piso da Categoria

.
• VALTER HIDRÁULICA
• É uma empresa que está realizando a instalação de hidráulica. É da Categoria da Construção  Civil. Os trabalhadores afirmam que estão com Carteira Assinada.

• CONSTRUTORA LÍDER
• É uma empresa que está realizando o serviço de instalação de esgotos. É da Categoria da Construção Pesada. A máquina cava a vala e eles colocam os grandes canos. Os trabalhadores estão com as Carteiras Assinadas, mas falta receber o Piso da Categoria e também a Cesta Básica. O Sindicato deixou as Convenções Coletivas da Categoria da Construção Pesada.

• CONVICTA EQUIPAMENTOS E LOCAÇÕES
• É uma empresa que está locando os caminhões. É da Categoria da Construção Pesada. Falta verificar se a mesma está pagando o piso salarial desta categoria para os seus trabalhadores.

• LN LOCAÇÕES E SERVIÇOS
• É uma empresa que faz a locação de caminhões. Também da Categoria da Construção Pesada. Falta verificar se está pagando o piso desta categoria e se seus trabalhadores estão com as Carteiras Assinadas.

• CONCRENORTE PREMOLDADOS
• É uma empresa que está realizando a colocação de premoldados e revestimento de paredes.  Está toda regular. É da Categoria da Construção Civil.

• R. JORGE
• É uma empresa que está fazendo a concretagem do piso e polimento.  Os trabalhadores informaram que está toda regular. É da Categoria da Construção Civil.

O Sindconstrucivil-Ma luta para serem respeitados os direitos dos trabalhadores. E exige que os trabalhadores da Construção Civil e Construção Pesada de São estejam formais com a garantiade seus direitos dentro das empresas. Também para inibir jornadas exaustivas ainda mais, sem o pagamento de Horas Extras. A empresa com a situação pior, encontrada dentro da obra é a MOTA SUL.

 

O Sindconstrucivil -MA vai preparar uma notificação e entregar aos responsáveis pela Empresa COHAMA ENGENHARIA que é a empresa de construção do Grupo Mateus para regularizar estas terceirizadas e seus trabalhadores. Caso contrário, a COHAMA ENGENHARIA será responsabilizada e terá que arcar com todas as despesas para indenizar os trabalhadores destas terceirizada.

 

Confira mais imagens na Galeria de Fotos

 

Confira imagens no vídeo abaixo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 − três =