Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil de São Luís – MA

Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil de São Luís – MA

Ouça nossa rádio

Trabalhadores da Artepa não recebem salários desde dezembro e paralisam suas atividades

 

Na quarta-feira (24), trabalhadores da empresa Aterpa que presta serviço para a Vale, cruzaram os braços como advertência pelo não cumprimento do pagamento dos salários que já eram para ter recebidos desde do mês de dezembro de 2015 – salários atualizados conforme a data base da Construção Pesada.

 

Houve uma pauta de reivindicações  criada pela comissão de sete trabalhadores da Aterpa que foi oficializada pelo Sindconstrucivil e discutida com os representantes da empresa.

 

Os pontos da pauta já acertados são: diferença de salário que será agora no pagamento de fevereiro/ Cesta Básica pois a Aterpa já apresentou o comprovante do depósito deste benefício pago aos trabalhadores/ FGTS que já foi regularizado.

Os demais pontos serão discutidos em uma nova reunião para o entendimento entre as partes. A data da reunião ainda será marcada.

 PAUTA DE REIVINDICAÇÕES:

1-PAGAMENTO DAS DIFERENÇAS SALARIAIS REFERENTE A CCT DA CATEGORIA.
2-PAGAMENTO DA CESTA BÁSICA CONFORME CONVENCIONADOS.
3-IMPLANTAÇÃO E PAGAMENTO DA PLR.
4-FORNECIMENTO DA ALIMENTAÇÃO COM VARIEDADE E MELHOR QUALIDADE.
5-DEFINIR UMA ROTA DE TRANSPORTE QUE ATENDA MELHOR AO TRABALHADOR.
6-CLASSIFICAÇÃO DOS AJUDANTES DE FORMA SISTEMÁTICA PARA QUE OS MESMOS NÃO TENHAM PREJUÍZO DE FICAR JÁ APTOS PARA A CLASSIFICAÇÃO E ESTA NÃO ACONTECER.
7- FORNECIMENTO DE EPIs NOVOS E FARDAMENTO BEM COMO A TROCA DOS MESMOS QUANDO ESTIVEREM DEPRECIADOS.
8-IMPLANTAÇÃO DA CIPA EM TODAS AS FRENTES DE TRABALHO COMO FORMA DE GARANTIR A SEGURANÇA DOS MESMOS.
9-O DEPOSITO DO FGTS NO PRAZO LEGAL BEM COMO O INSS QUE NÃO VEM ACONTECENDO.
10-O PONTO É BATIDO EM SÃO LUÍS E É IMPRESSO COMO SE FOSSE EM BACABEIRA.
11-GARANTIA DE TRABALHO DE 12 MESES PARA A COMISSÃO DE NEGOCIAÇÃO.

 

Confira mais imagens na Galeria de Fotos

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dez − 6 =