Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil de São Luís – MA

Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil de São Luís – MA

Ouça nossa rádio

SINDCONSTRUCIVIL e Melo Montagens e Construções Civis LTDA reúnem-se para solucionar pendências com trabalhadores

 

Trabalhadores  da empresa Melo Montagens e Construções Civis Ltda, estiveram no auditório do SINDCONSTRUCIVIL localizado no bairro do Diamante, para tratar com o presidente do Sindicato: Humberto França Mendes e o jurídico do SINDCONSTRUCIVIL sobre a situação que estes operários estão vivendo dentro desta empresa.

As principais reclamações destes trabalhadores são:

Atraso de salários por mais de seis meses;
Trabalhadores com férias atrasadas;
Alguns trabalhadores foram levados para outros estados sem a garantia de nenhum de seuso direitos e em péssimas condições nos seus alojamentos (inclusive sem banheiros e água encanada);
Os trabalhadores vem recebendo seus salários abaixo do piso da atual CCT- Conveção Coletiva de Trabalho.

A obra desta empresa está sendo realizada dentro da Subestação da CEMAR (Companhia Energética do Maranhão) no bairro do Anjo da Guarda em São Luís. A empresa Melo Montagens e Construções Civis Ltda, é terceirizada da CEMAR.

 

 

 

O SINDCONSTRUCIVIL, a terceirizada Melo Montagens Civis Ltda e a Companhia Energética do Maranhão- CEMAR, sentaram-se para discutir a situação dos trabalhadores. Além dos representantes das empresas, a reunião também contou com a Assessoria Jurídica do Sindicato – Dr.Sutelino Neto, o Primeiro Secretário do Sindicato – Jorge Luis Mendes; o Presidente do SINDCONSTRUCIVIL – Humberto França Mendes e também alguns trabalhadores da terceirizada.

A reunião foi positiva em detrimento das partes envolvidas se preocuparem em resolver a situação dos trabalhadores o quanto antes.Tanto a CEMAR quanto a terceirizada Melo Construções Civis Ltda se comprometeram em agilizar o processo de regularização dos trabalhadores, dando continuidade aos trâmites já iniciados pela Assessoria Jurídica do SINDCONSTRUCIVIL. Aguarda-se agora que as empresas, de fato,  atendam as reclamações dos trabalhadores e garantam os direitos dos mesmos.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × dois =