SINDCONSTRUCIVIL – MA

Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil, Construção Pesada-Infraestrutura, Mobiliário, Artefatos de Cimento, Obras de Arte, Instalações Elétricas, Montagens e Manutenções Industriais, Construção e Manutenção de Rodovias, Ferrovias e Engenharia Consultiva

Ouça nossa rádio

Trabalhadores protestam de forma equivocada contra falta de empregos

 

Na última terça-feira, 7 de Novembro de 2016, em frente a Sede Social do SINDCONSTRUCIVIL, no horário da chegada do Presidente do Sindicato, Humberto França Mendes, encontrava-se uma grande quantidade de trabalhadores desempregados que são os mesmos que na quinta-feira (27 de Outubro) estiveram em um grande manifesto em frente a Sede da Companhia Vale do Rio Doce no bairro do Anjo da Guarda.

 

Logo após o SINDCONSTRUCIVIL  entrou com um documento solicitando uma reunião com a VALE para ver esta situação dos trabalhadores desempregados que alegam que estão sendo prejudicados, pois segundo eles, as empresas estão trazendo pessoas de fora do Estado e não contratando os daqui do Maranhão, principalmente os que moram no Pólo do Anjo da Guarda.

 

 

 

O SINDCONSTRUCIVIL solicitou reunião com a VALE como também com a Superintendência Regional do Trabalho do Maranhão (SRTE-MA) e essa reunião ainda não aconteceu, pois o Sindicato ainda aguarda o agendamento da mesma pela SRTE-MA.

 

O fato dos trabalhadores estarem reunidos em frente ao Sindicato foi um ato equivocado, pois estes trabalhadores acham que o Sindicato tem culpa em detrimento das Empresas contratarem  mão de obra de fora do Estado. O SINDCONSTRUCIVIL solicitou às Empresas que apresentem a relação do seu quadro de funcionários, provando que a maioria de seus trabalhadores são da Base Territorial local. Mas, os trabalhadores  desempregados não acreditam nisso.

 

 

Acham que não está correto. E este impasse está muito desgastante para o Sindicato. O SINDCONSTRUCIVIL  está aguardando a audiência na SRTE-MA, na VALE e também nas Empresas para a apresentação da relação de seu quadro funcional daqui da Base Territorial para poder retirar essa impressão de que todos os  trabalhadores destas Empresas são de fora do Estado.

 

Com muita luta a comissão dos trabalhadores desempregados se deslocaram por volta das 11:30 da manhã do dia 07/11 para a frente da Sede da SRTE-MA na Cohab, para saberem se já tem data para a reunião. Pois a mesma já foi solicitada pelo SINDCONSTRUCIVIL, mas é preciso ser agendada pelo referido órgão.

 

O Presidente Humberto França Mendes não pôde ir até a Sede da SRTE-MA, pois já havia marcado de resolver a situação dos trabalhadores da empresa G4 Engenharia na Construção do Cais de São José de Ribamar. Não existe Sindicato se não tiver trabalhadores e a participação deles.

 

Alguns trabalhadores pensam que o Sindicato é pago para resolver a situação deles sem que eles  se envolvam. Como é que pode está pagando o  Sindicato se o trabalhador está irregular, sem a Carteira de Trabalho assinada? Então são situações que alguns trabalhadores falam sem ter noção do que estão dizendo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

6 − cinco =