SINDCONSTRUCIVIL – MA

Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil, Construção Pesada-Infraestrutura, Mobiliário, Artefatos de Cimento, Obras de Arte, Instalações Elétricas, Montagens e Manutenções Industriais, Construção e Manutenção de Rodovias, Ferrovias e Engenharia Consultiva

Ouça nossa rádio

SINDCONSTRUCIVIL fiscaliza obras das Vilas Gorete e Veleiros no bairro Camboa

 

O Presidente do SINDCONSTRUCIVIL Humberto França Mendes e os Diretores do Departamento de Esportes e Lazer, Lauro dos Inocentes Filho e Augusto Papa Machado, estiveram nos canteiros de obras das empresas Silveira Engenharia e Construções Eirele que realiza serviços de Recuperação e Urbanização da área da Vila Gorete e Veleiros no bairro Camboa.

 

Anteriormente o Sindicato esteve nesta obra e constatou que os trabalhadores estavam sem o registro nas suas Carteiras de Trabalho e Previdência Social (CTPS) e só a partir da notificação do Sindicato. A empresa então regularizou seus trabalhadores, assinando as CTPS dos mesmos.

 

As obras neste canteiro estiveram paradas por alguns meses, devido a atrasos de repasses do Governo Estadual, resultando no atraso dos funcionários, segundo declarações da empresa.

 

No entanto, no que foi apurado pelo SINDCONSTRUCIVIL, as obras foram retomadas há pouco dias, porém, com novos trabalhadores e novamente em situação irregular e sem registro nas carteiras de trabalho. Além da falta de equipamentos de proteção e segurança individual adequados, bem como realizar os exames admissionais e fornecer os contracheques com as horas extras dos trabalhadores.

 

A empresa foi novamente notificada e dentro de 10 dias, o SINDCONSTRUCIVIL retornará ao canteiro para verificar se as irregularidades foram corrigidas.Caso contrário, será encaminhado ofício para o Ministério do Trabalho e Emprego para poder punir a empresa.

 

O Presidente do SINDCONSTRUCIVIL lamenta o fato do sindicato ser um órgão fiscalizador e não ter poder para multar as empresas. Pois, segundo ele, se assim o pudesse, a multa seria revertida aos trabalhadores que é a parte mais prejudicada e inocente.

 

Confira mais imagens na Galeria de Fotos

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

doze − quatro =