SINDCONSTRUCIVIL – MA

Sindicato dos Trabalhadores na Indústria da Construção Civil, Construção Pesada-Infraestrutura, Mobiliário, Artefatos de Cimento, Obras de Arte, Instalações Elétricas, Montagens e Manutenções Industriais, Construção e Manutenção de Rodovias, Ferrovias e Engenharia Consultiva

Ouça nossa rádio

SINDCONSTRUCIVIL intensifica fiscalizações em canteiros de obra da capital

 

O SINDCONSTRUCIVIL através do seu presidente, Humberto França Mendes, o 1° Secretário, Jorge Luis Mendes e os diretores  Lauro dos Inocentes Filho e Augusto Papa Machado, estiveram no canteiro de obra na Rua Roma Velha  no bairro da Fé em Deus, anteriormente iniciado pela Construtora Zepplin Construções LTDA. O canteiro esteve parado durante alguns meses, agora a obra está sob a responsabilidade da Construtora Silveira Engenharia. Esta obra é a construção de um CRAS e uma praça para atender os moradores desta comunidade.

 

Os trabalhadores da Silveira Engenharia foram encontrados sem registro nas Carteiras de Trabalho e Previdência Social (CTPS). De acordo com os trabalhadores, a empresa recolheu as carteiras de trabalho, porém, ainda não devolveu aos operários. Os trabalhadores também não se submeteram aos exames médicos admissionais. E ainda falta fornecer fardamentos adequados a eles. Ainda que os trabalhadores não tenham completado um mês na obra, o SINDCONSTRUCIVIL notificou a empresa para incentivá-la a corrigir dentro de 10 dias úteis as irregularidades encontradas.

 

Pode-se destacar que a empresa Silveira Engenharia já disponibiliza para os trabalhadores Equipamentos de Segurança Individual (EPI);  o Vale Transporte;  a alimentação e água tratada para consumo. O que falta mesmo é o registro nas CTPS dos trabalhadores.

 

Dentro de 10 dias o SINDCONSTRUCIVIL vai retornar ao canteiro para comprovar que a empresa cumpriu com a notificação. Se a empresa não cumprir, será encaminhado um ofício à Superintendência Regional do Trabalho para que sejam tomadas as devidas providências.

 

Outro canteiro visitado foi o da Construtora Primus que está realizando o calçamento e colocação de meio-fio nas avenidas dos bairros Ipase e Bequimão. Segundo estes trabalhadores, todos estão com as CTPS assinadas, têm EPI e Vale Transporte e recebem o piso atualizado da Construção Pesada. O que é de grande satisfação para o Sindicato.

 

Dando continuidade aos trabalhos, o SINDCONSTRUCIVIL também esteve na empresa Agaesse que realiza o serviço de ampliação do Hospital São Domingos no bairro do Angelim. Dentro deste canteiro também há diversas terceirizadas tais como: a empresa Bitencourt; a empresa JP Engenharia e a empresa Rolim Machado.

 

Houve uma reunião com estes trabalhadores na hora do almoço, onde foi explanado dentre outros assuntos trabalhistas, também a situação de desentendimento entre um trabalhador da empresa que faz parte da CIPA  e a coordenadora da obra, a Sra. Rose.

 

O SINDCONSTRUCIVIL mediou a situação de desentendimento para garantir que trabalhador não perdesse os seus direitos. A situação felizmente foi resolvida com sucesso e de comum acordo entre o trabalhador e a direção da empresa. A empresa Agaesse está concedendo os direitos aos seus trabalhadores de forma correta.

 

 Foi constatado que os trabalhadores da Empresa Agaesse possuem EPI, tem fardamento adequado, a empresa disponibiliza água tratada para o consumo e os trabalhadores recebem alimentação adequada e Vale Transporte. Situação esta que deixa tanto o trabalhador como o sindicato satisfeito.

 

Confira mais imagens na Galeria de Fotos abaixo:

 

Silveira Engenharia

Construtora Primus

Agaesse Construtora e terceirizadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × 3 =